20 Março 2021 - 20:46

Em novo recorde, Maceió vacina 5.087 pessoas em um dia

Maceió tem mostrado que vacinar a população contra a Covid-19 está em primeiro lugar. Somente nesta sexta-feira (19), foram vacinados 5.087 idosos com 72 anos ou mais e trabalhadores da saúde dos 55 a 74 anos.

Com pontos espalhados em toda a cidade, a imunização acontece todos os dias, incluindo os finais de semana, das 9h às 16h, no drive-thru do Estacionamento do Jaraguá e da Justiça Federal (Serraria), e nos pontos fixos do Ginásio Arivaldo Maia (Jacintinho), Papódromo (Vergel do Lago), shoppings Maceió (Mangabeiras) e Pátio (Cidade Universitária).

“Isso é um motivo de extrema felicidade, éexcepcional. Gostaria de agradecer a participação de todos e dizer que esse é o nosso objetivo, como o prefeito JHC tem deixado sempre claro. Maceió tem pressa. Vamos continuar mostrando juntos que estamos mudando a realidade da saúde de Maceió”, destacou o secretário municipal de saúde, Pedro Madeiro.

Avançando a cada dia nas etapas de imunização, o prefeito JHC anunciou a ampliação, a partir de domingo (21), para os trabalhadores da saúde dos 50 a 54 anos.

No total, já foram vacinados quase 60 mil pessoas entre idosos e trabalhadores da saúde. 16 mil já receberam a 2a dose e concluíram o esquema vacinal de Imunização contra a covid-19.

Trabalhadores da saúde: quem pode se vacinar?

São considerados trabalhadores da saúde tantos os profissionais de saúde, como os de apoio das unidades hospitalares. Sendo assim, são contemplados nesta etapa médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais da educação física e médicos veterinários, auxiliares, técnicos, recepcionistas, seguranças, trabalhadores da limpeza, cozinheiros e motoristas de ambulância, dentre outros.

Além disso, podem se vacinar aqueles profissionais que atuam em cuidados domiciliares (cuidadores de idosos, doulas/parteiras), bem como funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados. A vacina também será ofertada para acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio curricular obrigatório em serviço hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios.

Para vacinação, é necessário apresentar os documentos comprobatórios a seguir:
1 – Os trabalhadores dos serviços de saúde de Maceió elencados nessa etapa precisam levar Declaração de Vínculo Empregatício emitida pelo Diretor-Geral ou Diretor Médico, atestando a condição do trabalhador, contracheque atualizado (mês anterior) ou carteira de trabalho comprovando vínculo ativo;
2 – Trabalhadores de saúde autônomos devem ter em mãos certidão de regularidade do respectivo conselho de classe;
3 – Assistência domiciliar e trabalhadores de serviços funerários precisam estar com a Carteira de Trabalho que comprove o vínculo ativo ou contracheque atualizado (mês anterior);
4 – Os residentes ou estudantes em estágio necessitam de declaração emitida pelo serviço onde está cumprindo o referido estágio ou residência em Maceió.

por Secom - Maceió

Comentários comentar agora ❯