20 Maio 2019 - 22:38

Equipe da Adema realiza palestra de educação ambiental para crianças

“Gostei muito da aula, porque ensinou a todo mundo que devemos cuidar da natureza, não maltratar os animais e economizar água. Eu ajudo a natureza, não jogo lixo nas ruas e gosto muito dos animais. Onde eu moro tem coruja igual a essa, mas eu nunca tinha chegado perto e gostei de tocar nela”. O sorriso de satisfação da pequena Laura Alvin Pereira, de 8 anos, aluna do 2º ano D, foi um entre as dezenas de crianças de uma escola da rede particular de ensino infantil que assistiram a uma palestra sobre educação ambiental realizada na manhã da segunda-feira (20), por servidores da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema).

Coordenada pela bióloga e técnica ambiental da Adema, Evanildes Soares, a palestra teve como objetivo principal ressaltar para as crianças a importância da preservação do meio ambiente. “Há algum tempo fiz uma pequena explanação para crianças, o resultado positivo chegou até o conhecimento da direção desta escola, que solicitou à presidência do órgão a presença de uma equipe. Elaboramos um programa e pretendemos divulgá-lo para os alunos da faixa etária de 7 a 10 anos, em diversas escolas públicas e particulares”, conta.

A palestra

Ministrada pela técnica ambiental, com auxílio dos estagiários da Adema, Andrews Sá, Elise Souza, Rafaela Albuquerque, a palestra foi conduzida de forma descontraída, onde os alunos eram questionados e também faziam perguntas, tornando o aprendizado sobre educação ambiental leve e interativo.

Através de diversos slides e vídeos, as cinco turmas do segundo ano do ensino fundamental aprimoraram os conhecimentos sobre poluição ambiental, desmatamento, uso consciente da água, descarte de lixo, tráfico de animais, caça e pesca predatória e criação de animais em cativeiro, interagindo constantemente com os palestrantes em uma clara compreensão da mensagem que era transmitida.

Através de vídeos e fotografias, a equipe fez demonstrações de vários animais silvestres resgatados pela Adema, que depois dos devidos cuidados, foram reinseridos à natureza, bem como mostrou alguns equipamentos utilizados no resgate desses animais.

Surpresa

Para a coordenadora pedagógica do jardim-escola, Katiana Souza Costa, a ideia de levar a palestra com profissionais especializados é fazer com que as crianças se conscientizem ainda mais sobre a importância em zelar pelo meio ambiente. “Nossos alunos já conhecem o tema, pois dispomos desse conteúdo nos livros didáticos, mas é fundamental que eles tenham conhecimento concreto de como as ações de fato acontecem e funcionam. O resultado foi bastante positivo, é algo que agrada aos pais e pretendemos ampliar para outras turmas”, reitera.

Ao final da palestra, a equipe surpreendeu os alunos com a presença de uma espécie de coruja suindara (Tyto furcata), mas conhecida como coruja de igreja. Eles deram explicações sobre a origem da ave, informando que ela pertence ao Parque dos Falcões, que gentilmente fez uma parceria com a Adema para ocasiões como essa. Organizados em fila, os alunos das cinco turmas puderam tocar no animal e, ao fim, fizeram um registro fotográfico.

Também aluno da turma do 2º ano D, Gustavo Coelho, 7 anos, contou que a palestra foi muito especial para ele e demonstrou satisfação ao tocar na coruja. “Eu já sabia que não devemos maltratar os animais e não pode jogar lixo na rua e nos rios, mas agora eu sou um agente da natureza, vou falar para meus pais, meus primos e meus coleguinhas tudo que aprendi aqui e gostei muito de fazer carinho na coruja”, afirmou.

por Agência Sergipe

Comentários comentar agora ❯