18 Novembro 2019 - 09:49

Recuperação das vias do corredor Centro/Jardins proporciona melhor fluidez ao trânsito da cidade

Secom - Aracaju
Com 11,5 km de extensão, este é o terceiro corredor de trânsito a receber melhorias

No final de outubro, a Prefeitura de Aracaju iniciou a obra de recuperação das 17 ruas e avenidas que compõem o corredor Centro/Jardins. Com 11,5 km de extensão, este é o terceiro corredor de trânsito a receber melhorias na cidade no âmbito do Projeto de Mobilidade Urbana do Município, e a obra entusiasma a população.

Maurício dos Santos, por exemplo, trabalha numa distribuidora na rua Cedro, próximo ao Estádio Lourival Batista (Batistão), e reconhece que a obra vai trazer mais segurança para quem trafega no local. "A gente que trabalha com o trânsito, no caso eu faço entrega com moto, e sei que as coisas vão melhorar pra gente", admite Maurício.

Segundo ele, o tráfego no percurso, que leva ao Centro, é intenso praticamente durante todo o dia. "Às vezes, a gente gasta uma hora daqui para o Centro, sendo que é bem perto. Então, essa nova possibilidade é importante para mudar isso. Assim como todo o investimento que vem sendo feito no trânsito, tapando buraco, recapeando", diz ele.

Aldênio Barros de Vasconcelos mora no bairro Treze de Julho e concorda com a criação de novos corredores de trânsito para melhorar a mobilidade na capital sergipana. "Aracaju tem carro demais para o tamanho da cidade", justifica Aldênio. Por isso, ele julga ser fundamental que o poder público busque sempre novas alternativas para o trânsito.

"Aqui mesmo sempre tem engarrafamento, seja de um lado ou do outro da via. Conviver com isso é muito incômodo, temos que aguentar as buzinas, os palavrões", admite. Eduardo Ferreira de Araújo mora na Atalaia, mas a mãe mora na Treze e ele sempre vai visitá-la, utilizando, para isso, bicicleta.

Para Eduardo, com as melhorias no corredor de trânsito, o trajeto será facilitado. "Vai melhorar, porque o trânsito é intenso para cá, e não tem ciclovia, algo fundamental para quem vem de longe, para quem trabalha por aqui", diz.

Rosevaldo Enéas dos Santos mora no Albano e se desloca todo dia para o Inácio Barbosa pela via. "Vai ficar ótimo, mais seguro e mais rápido. Quem está de bicicleta não costuma ser respeitado no trânsito e com um espaço específico, fica bem melhor", afirma.

O prazo para a execução da obra é de 180 dias, período no qual ocorrerão alguns bloqueios parciais nas vias. Aldênio diz que toda obra traz transtorno, mas quando ele vem para o bem, não tem problema. Eduardo concorda. "Tem que se investir em todas as áreas, mas no trânsito é fundamental, porque os acidentes podem acabar com muitas vidas. Há muito tempo a cidade está preciso disso", garante.

Com investimento de R$7,3 milhões, resultado de um convênio entre a Prefeitura e o Governo Federal, o corredor passa a receber novo pavimento asfáltico, desde o Centro da capital, atravessando os bairros São José, Treze de Julho, Jardins e Inácio Barbosa, até chegar ao conjunto Augusto Franco.  

por Secom - Aracaju

Comentários comentar agora ❯