14 Junho 2019 - 22:19

Recuperação asfáltica na capital é redobrada durante períodos chuvosos

Secom - Aracaju
Prefeitura redobrou um projeto contínuo da atual gestão

Com a grande quantidade de chuvas que atingiu a capital sergipana nos últimos dias, além do trabalho intenso para reduzir alagamentos e outros problemas, a Prefeitura de Aracaju, através da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), redobrou um projeto contínuo da atual gestão, trabalhando na manutenção e recuperação da malha viária das ruas e avenidas da capital: a Operação Tapa-buraco.

Durante o mês de maio, a Prefeitura realizou o trabalho de recuperação de uma área de 17.268 mil m² de vias, contempladas com pavimentação. Somando um total de 1.658 toneladas de asfalto aplicadas. Da Operação Tapa-buraco, uma área de 22.743 mil m² recebeu os serviços.

O aposentado Marcos Antônio Dantas, de 69 anos, observa que a operação é benéfica para a segurança de seus filhos e de todos os motoristas. Ele relata ter visto o trabalho das equipes recentemente. “Eu acho que o trabalho de tapa-buraco está sendo maravilhoso, porque meus filhos andam muito de carro, e com tantos buracos podem sofrer acidentes. Com essa recuperação, podemos andar mais a vontade, sem medo, além de não precisar estar parando ou desviando. Recentemente eu vi uma equipe passando pela porta da minha casa e estava chuviscando, mas eles ainda assim continuavam lá”, diz.

Já o ambulante Ednilson Ribeiro, 48 anos, que se locomove diariamente por Aracaju com seu carrinho de madeira cheio de produtos, diz que os buracos podem atrapalhar seus trajetos e, por isso, a recuperação da malha viária da capital o ajuda. “Na (avenida) Rio de Janeiro estava ruim de passar, mas agora ficou bom. O serviço bem feito é muito bom, porque se torna melhor para locomoção”, conta.

A avenida Nestor Sampaio, bairro Luzia, é um dos locais onde estão sendo realizados os serviços. Dona Maria Francisca de Jesus, de 82 anos, mora no local e observa da porta de sua casa o trabalho dos agentes da Emurb. “Com o asfalto todo esburacado pode ocorrer acidentes, tanto no trânsito, quanto para os pedestres. Eu vejo direto o pessoal da Prefeitura passar por aqui e acho muito bom que estejam realizando esse trabalho. Vejo que, nesse período, mesmo com as chuvas, eles estão tapando os buracos”, afirma a aposentada.

Devido às chuvas, além de equipes que trabalham na recuperação da rede de drenagem, mais seis equipes foram designadas para o trabalho de correção dos danos causados pelas chuvas nas vias da cidade. Primeiramente, para a aplicação do asfalto, as equipes realizam a limpeza dos buracos, tirando a parte ruim, que gera atrito. Em seguida, o novo asfalto é colocado. Porém, caso esteja chovendo, para começar os serviços, é preciso aguardar a estiagem. Já que, com a chuva, o material não gera aderência. Mas, quando estia, mesmo com a via úmida, o serviço é realizado porque o novo asfalto será depositado quente e, ao entrar em contato com o antigo, ferve e adere.

Recapeamento

O Programa de Recapeamento também é realizado desde o início da atual gestão, beneficiando mais de 40 km de vias, e já utilizou por volta de 35 mil toneladas de asfalto. No mês de maio, a produção da usina de asfalto da Emurb foi de 3.913 toneladas de asfalto usados nas ruas de Aracaju.

Solicitação

Para registrar algum tipo de solicitação, o cidadão pode entrar em contato com a Assessoria de Comunicação da empresa, por meio do telefone (79) 3179-1619, pelo endereço eletrônico [email protected], ou pelos perfis no Twitter (@emurb) e no Facebook (www.facebook.com/Emurb).  

por Secom - Aracaju

Comentários comentar agora ❯