19 Janeiro 2022 - 09:21

Habitação abre ponto de atendimento no Vergel do Lago a partir desta quarta (19)

Ascom Habitação
Auditório da Escola Municipal Nosso Lar

A partir desta quarta-feira (19), a Secretaria de Habitação de Maceió estará com um novo ponto de atendimento, no auditório da Escola Municipal Nosso Lar (antiga Escola Hélio Lemos), no bairro do Vergel do Lago. O atendimento ao público segue o calendário de cadastro habitacional vigente, sendo a vez dos idosos com 60 anos ou mais até esta quinta-feira (20), entre 8h e 12h.

"Estamos abrindo um novo posto de atendimento para melhor atender a população de Maceió. Os usuários terão acesso a um espaço climatizado, confortável e com acessibilidade. A determinação do prefeito JHC é atender a todos da melhor maneira possível", disse o secretário Eduardo Rossiter.

O programa habitacional em Maceió segue as regras do Casa Verde e Amarela (Faixa 1), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Pode realizar a inscrição o maceioense que não tenha casa própria, não tenha sido contemplado no programa anteriormente e não possua renda bruta familiar superior a R$ 1.800,00 (Um mil e oitocentos reais).

Somente em 2021, o prefeito JHC já entregou 1.500 apartamentos para maceioenses de baixa renda, moradores de áreas de risco e em vulnerabilidade social. Mais de 5 mil unidades habitacionais estão em construção e devem beneficiar mais de 20 mil maceioenses.

Confira o calendário de agendamento presencial (Ciclo 1)

10/01 a 13/01 e 17/01 a 20/01

A partir de 60 anos

24/01 a 27/01

Prioridades (gestantes, lactantes, portadores de deficiência, criança de colo e obesos)

31/01 a 03/02 e 07/02 a 10/02

De 59 anos a 45 anos

14/02 a 17/02 e 21/02 a 24/02

De 44 anos a 30 anos

07/03 a 10/03 e 14/03 a 17/03

De 29 anos a 18 anos

Documentação necessária

Número de Inscrição Social (NIS) atualizado;

CPF;

RG (expedido em até 10 anos) ou CNH;

Comprovante de residência;

Certidão de nascimento, casamento ou averbação de divórcio e, quando viúvo (a), atestado de óbito;

Em caso de deficiência na família, apresentar atestado médico com espécie, grau, nível e Código de Identificação da Doença (CID), datado e dentro do prazo de seis meses;

Certidão de nascimento dos filhos de 0 a 12 anos;

Caso trabalhe de carteira assinada, apresentar carteira de trabalho com carimbo do empregador e contracheque;

Comprovante de recebimento de pensão, aposentadoria por tempo de serviço, BPC/LOAS ou extrato bancário caso receba algum benefício do governo federal;

No caso de união estável, o casal deve comparecer com toda documentação.

A composição familiar do NIS deve ser a mesma apresentada no ato do cadastro habitacional. Além disso, caso o usuário não assine, deverá apresentar uma procuração do mesmo modelo entregue pela Secretaria de Habitação.

por Assessoria

AquiAcontece.com.br © 2016 - Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do AquiAcontece.com.br.