14 Fevereiro 2020 - 09:18

Judiciário de Alagoas inicia formulação do Plano Estratégico 2021-2026

Caio Loureiro
Juíza Luciana Cavalcanti de Mello Sampaio conduz os trabalhos no 12º Juizado de Maceió

O 12º Juizado Especial de Trânsito de Maceió obteve, na aferição Juízo Proativo 2019, índice de conciliação de 45,3%, o maior entre os Juizados de Alagoas. O levantamento foi feito pela Divisão de Estatísticas da Assessoria de Planejamento e Modernização do Poder Judiciário (APMP).

A unidade prolatou 1.071 sentenças e homologou 485 acordos. No ano passado, ingressaram 691 casos novos e foram baixados 924, representando índice de atendimento à demanda de 134%.

“Estamos muito felizes com o alcance desses índices. Atribuímos o resultado ao engajamento e ao compromisso de todos que fazem o 12º Juizado”, disse a titular da unidade, juíza Luciana Cavalcanti de Mello Sampaio.

Ainda segundo a magistrada, a mediação e a conciliação são importantes métodos de solução de conflitos. “Aqui no 12º Juizado procuramos humanizar o conflito e oportunizar às partes o efetivo debate de seus interesses. Na conciliação, elas deixam de ser meras espectadoras e passam a ser copartícipes da solução de seus problemas”, destacou.

Em 2019, a unidade obteve taxa de produtividade de 155% e taxa de congestionamento de 49%. A pontuação final do 12º Juizado foi 102,52. A solenidade de premiação do Juízo Proativo ainda será definida.

por Ascom - TJ/AL

Comentários comentar agora ❯