Blog da Juventude

Blog da Juventude

Por Willian Nelson

Postado em 28/05/2021 10:16

Empreendedorismo Juvenil: Jovem Penedense vê no bordado uma forma de eternizar momentos

Juliana Felix
Empreendedorismo Juvenil: Jovem Penedense vê no bordado uma forma de eternizar momentos
Com agulha na mão, suas linhas vão traçando sentimentos do coração.

Olá gente! Hoje trago mais uma história para o quadro, e dessa vez é sobre a jovem Juliana Félix, de 24 anos de idade, artesã Penedense. Tudo começou ainda em sua infância, quando aprendeu o ponto cruz, ensinado por sua avó, que na época dava aulas de bordado. As primeiras encomendas de bordado que recebeu eram nomes em toalhinhas de rosto, em sua família a maioria das mulheres faziam artesanato, se não fosse bordado aberto, faziam crochê ou outro tipo de manualidade. Ao chegar à adolescência aprendeu o bordado livre com uma tia e assim começou a bordar para a Associação de Bordadeiras de Penedo.

Com o passar do tempo, a jovem Juliana pensou várias vezes em montar um negócio utilizando o artesanato, mas não sabia exatamente o que abordar e tinha receio de não dar certo. Até que no início da pandemia surgiu a ideia dos mines colares de bastidor, um acessório que muita gente usa, que não precisaria ir para outra cidade comprar material para confecção. Passou meses se organizando, buscando material, técnicas, até chegar a fazer a primeira peça, e fez tudo pensando em comercializar pelas redes sociais. Em seu perfil pessoal, começou a vender suas primeiras peças, e assim resolveu expandir seus produtos, e logo as encomendas começaram a surgir.

Com seu produto ganhando espaço, a jovem Juliana recebeu oportunidades de conhecer outros artesãos, mestres do artesanato alagoano, onde dividiu experiências de bordado e participou de feiras de exposição fora de Penedo. No dia 22 de maio, o seu empreendimento comemorou seu primeiro ano de existência, com várias experiências, muitos clientes que agora são amigos e se embelezam por seus excelentes produtos. Em sua fala, a jovem Juliana diz: “ Toda encomenda que recebo é importante pra mim, pois, sei que alguém vai vestir o meu trabalho, levar no pescoço, presentear, ou até fazer parte do seu lar e quando desenho a ser bordado è a memória afetiva de alguém, fico ainda mais realizada em eternizar esse momento”. Parabéns Juliana Félix, que sua história seja fator motivacional para outros jovens da nossa querida Penedo.

Instagram:@Julianafelixbordado

Comentários comentar agora ❯

  • Alessandra Braz Bom Dia! Na sexta-feira eu fico ansiosa por mais uma história, parabéns Juliana Felix, por ter uma linda história de superação e pelas obras de arte que confecciona. Ao querido Willian, seu dom é celebre, você é um rapaz de luz e com certeza vai crescer cada vez mais. Lhe acompanho no instagram, bjs
  • Geraldo Argolo Bravo! Parabéns ao Portal Aqui Acontece em colocar um jovem cheio de talentos, você vai longe rapaz! Forte abraço de Arapiraca-Alagoas
  • Ana Que trabalho incrível! Eu já tive o prazer de conhecer,tem muito amor no trabalho de Juliana Parabéns!
  • Rosely Que história mais linda, o bordado é um trabalho muito delicado e belo fico feliz em saber que uma jovem como se dedica a essa arte maravilhosa parabéns e muito sucesso.
Postado em 26/05/2021 10:05

Inscrições abertas para o 11º Circuito Penedo de Cinema

Google
Inscrições abertas para o 11º Circuito Penedo de Cinema
Circuito Penedo de Cinema

As inscrições para a 11º Edição do Circuito Penedo de Cinema estão abertas até 11 de julho. Podem ser inscritos filmes de até 25 minutos de duração, incluindo os créditos, e finalizados a partir de janeiro de 2019. A inscrição é gratuita e o edital está no link da bio do instagram: @circuitopenedo.

As atividades do 11º Circuito serão realizadas em novembro no modo híbrido (on-line e presencial) e gratuito. Os filmes selecionados serão exibidos em Penedo e disponibilizados no site do festival durante todo o seu período de realização.

O Circuito Penedo de Cinema é uma realização do Instituto de Estudos Culturais, Políticos e Sociais do Homem Contemporâneo (IECPS), da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e da Universidade federal de Alagoas (UFAL), com o patrocínio do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF), da Prefeitura de Penedo e do Sebrae Alagoas.
 

Comentários comentar agora ❯

  • Rosely Uma ótima oportunidade para quem gosta de cinema e poderá apresentar seu trabalho.
Postado em 23/05/2021 21:36

Gestores do SUS alertam o Governo Federal sobre uma possível 3º onda de Covid-19

Google
Gestores do SUS alertam o Governo Federal sobre uma possível 3º onda de Covid-19
Área técnica de saúde teme piora em todo país.

Segundo gestores do Sistema Único de Saúde (SUS) que participaram das discussões sobre o coronavírus, o ministro Marcelo Queiroga, afirma ter intensa preocupação sobre o cenário da crise sanitária, mas publicamente tenta minimizar o risco de alta no curto prazo. Os secretários de estado e municípios vem alertando ao governo federal sobre a chegada de uma nova onda da pandemia de Covid-19, o estado de incerteza sobre essa nova onda preocupa toda população científica.

Em pronunciamento aos documentos internos apresentados por secretários de estado, o ministro da saúde afirma: “ Não estamos vislumbrando isso nesse momento. A maneira adequada de se evitar a terceira onda é avançar na campanha de vacinação”. Ele afirmou que alguns estados e municípios já notaram “pressão sobre o sistema de saúde”. “Isso se remete pela abertura que foi concedida nesses estados”. O Brasil registrou 2.136 mortes pela doença e 77.598 novos casos, totalizando 446.527 óbitos e 15.976.156 pessoas infectadas durante a crise sanitária.

A média móvel de mortes ficou em 1.963 óbitos por dia nesta última sexta-feira, abaixo de 2.000 pelo 11º dia consecutivo, sendo que em 120 dias a média está acima de mil óbitos diários. Em depoimento à CPI da Covid, em 06 de maio, Marcelo Queiroga disse que o exemplo do Amazonas deve servir de alerta para evitar uma nova onda, “que pode ser muito perigosa para nossa população”, afirma o ministro da saúde.
 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 21/05/2021 10:25

Live: Autocobrança: Porque me cobro tanto?

Kelma Farias
Live: Autocobrança: Porque me cobro tanto?
Acontecerá neste sábado às 19h30min.

A autocobrança pode ser uma super exigência que fazemos para nos colocar disciplina em direção a um objetivo. Porém, essa energia atua como uma forma de pressão interna nos impedindo de ver os resultados brilhantes que conseguimos no nosso dia a dia. A pergunta é: será que essa postura não afasta a paz e coloca ainda mais ansiedade no meio do caminho rumo ao sucesso? Saber se cobrar é importante, porém, quando esse olhar para si mesmo é pouco generoso e muito recorrente, começa a surgir a autocobrança excessiva.

Vamos adicionando tarefas e mais tarefas à nossa lista e buscamos incansavelmente formas de “chegar lá” mais rápido. Esse é o pontapé inicial para seguidas frustrações e outros sentimentos que, aos poucos, afundam nossa autoestima e saúde mental como um todo. Por este motivo e com intuito de ajudar as pessoas que passam por este problema, convidei para uma live duas grandes amigas, onde discutiremos sobre o assunto e sob o olhar de uma profissional de psicologia, será concedido um direcionamento para o enfrentamento da autocobrança excessiva.

A live acontecerá neste sábado (22), às 19h30min, e sua transmissão será pela plataforma do Instagram. Contarei com duas honrosas presenças: Dra. Kelma Farias, Psicóloga CRP15/5034, a quem nos concederá direcionamento profissional e uma excelente abordagem do tema, e Ivana Florentino, Miss Plus Size Alagoas, digital influencer, que em suas redes sociais trabalha o princípio da autoestima. Convidamos à todos para participarem deste momento de informação e cuidado com o nosso bem maior, a nossa vida!

Instagram da live: @williannelsonof
 

Comentários comentar agora ❯

  • Rosely Muito importante levar essa informação as pessoas, tem gente que se cobra tanto q falta até tempo para cuidar de si própria.
Postado em 18/05/2021 18:15

Concurso do Corpo de Bombeiros de Alagoas está com inscrições abertas oferecendo 170 vagas

CBMAL
Concurso do Corpo de Bombeiros de Alagoas está com inscrições abertas oferecendo 170 vagas
São ofertadas 170 vagas, sendo 150 para soldado e 20 oficial.

Estão abertas as inscrições para o concurso do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas, segundo o edital, 170 vagas serão ofertadas para compor o quadro efetivo do órgão, sendo 150 para o cargo de soldado e 20 para o cargo de oficial. As inscrições já podem ser feitas no site do Cebraspe, a taxa de inscrição é de R$ 95 e o prazo vai até o dia 21 de junho, conforme as regras contidas no edital do concurso, também disponibilizado no mesmo site.

Os salários, após o Curso de Formação de Praças, variam entre R$ 4.250,06, para o cargo de soldado, e R$ 9,602,72 para oficial, com o estágio probatório. As provas serão realizadas no dia 08 de agosto de 2021, como consta no edital, nas cidades de Maceió e Arapiraca. Para o cargo de aspirante a oficial, a aplicação será pelo turno da manhã e terá duração de 4h e 30 minutos. Para o cargo de soldado, no turno da tarde, com duração de 3h e 30 minutos.

Essa medida foi adotada pelo Governo para garantir mais oportunidades a quem vai concorrer nos dois cargos, desta forma as provas ocorrerão em turnos diferentes para o Corpo de Bombeiros como também para Polícia Militar. Além desses que já foram lançados no edital, o governador Renan Filho, confirma que outros certames devem ter edital divulgado ainda neste último trimestre. A oportunidade chegou, não desanime!

Site da Cebrasp:cebrasp.org

Comentários comentar agora ❯

  • Rosely Uma ótima oportunidade pra quem quer seguir na profissão tão importante como essa.
Postado em 17/05/2021 10:18

Candidatos podem pedir isenção de taxa de inscrição do ENEM 2021

Google
Candidatos podem pedir isenção de taxa de inscrição do ENEM 2021
Pedidos podem ser feitos a partir de hoje.

A partir desta segunda-feira (17), os pedidos de isenção de taxa de inscrição do Enem 2021 já podem ser feitos pela página do participante. Apesar da abertura do processo, o Inep ainda não divulgou as datas de possível aplicação da prova, vale ressaltar que o prazo para fazer essa solicitação termina em 28 de maio. O exame pode ocorrer em outubro ou novembro, afirma o Ministério da Educação, mas documentos internos do Inep descrevem que a aplicação ocorreria apenas em janeiro de 2022.

Segundo o Ministro da Educação, Milton Ribeiro, esses documentos são apenas conversas de bastidores, e que as provas deverão ser aplicadas em outubro ou novembro de 2021. O candidato que deseja pedir isenção de taxa, deve se enquadrar nos perfis: matriculados no último ano do ensino médio na rede pública em 2021, alunos que são bolsistas em instituições privadas e integrais e pessoas em vulnerabilidade econômica inscritas no CadÚnico.

Pelo cronograma, o resultado será divulgado em 09 de junho, e caso o pedido de isenção seja negado, o próprio candidato poderá recorrer entre 14 e 16 de junho, sendo que a resposta ao recurso será enviada em 25 de junho. Aos candidatos que conseguiram o benefício da edição anterior da prova e não compareceram ao local de avaliação, devem justificar a ausência no mesmo link do pedido, caso contrário perderão o direito a uma nova isenção. Mantenha-se ligado, não perca o prazo!
 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 14/05/2021 12:24

Empreendedorismo Juvenil: Família que fabrica pão integral, torna-se referência entre o público fitness em Penedo

Família Telis
Empreendedorismo Juvenil: Família que fabrica pão integral, torna-se referência entre o público fitness em Penedo
Com carinho e sabor o Pão Telis vem ganhando espaço.

Olá gente! Hoje trago a história de Gilvanete Teles, residente em Penedo, bacharela em Administração pela FRM e possuidora de cursos de culinária do SEBRAE/SENAC. Tudo se deu inicio quando a mesma começou a fazer pães para o consumo de sua própria família, já que os estabelecimentos estavam fechados em razão da pandemia. A partir disso, sua família percebeu que seus pães, além de saudáveis, poderiam ser comercializados, e motivada por seu filho Isaías Telis, decidiu vender pães para seu ex- professor da faculdade, que logo ao degustar, aprovou o sabor deste excelente produto.

A partir deste, sua família passou a produzir mais pães e vender para os amigos mais próximos, sempre recebendo elogios pelo sabor. Foi decidido por todos criar um instagram para melhorar a divulgação e venda dos produtos, na escolha do nome da marca houve um apadrinhamento especial, e a personal Renata, intitulou de Pão Telis. Sendo uma das primeiras pessoas a acreditar e divulgar para o público fitness, que logo aprovou o sabor e a qualidade, se tratando de um pão que é light e 100% integral.

Atualmente, o Pão Telis vem sendo a escolha de muitos penedenses que desejam ter um estilo de vida saudável, mantendo a dieta com um pão saboroso. Com o aumento dos pedidos, o trabalho de entrega a domicílio começou a ser realizado com pontualidade e respeito ao cliente. No perfil do instagram são oferecidas dicas diárias de como ter uma alimentação saudável. O produto é muito requisitado, sendo direcionado a pacientes por nutricionistas da cidade. Parabéns a Gilvanete Telis, seu esposo Erivaldo Telis, juntamente com seu casal de filhos Isaías e Veronica Telis, pela excelência na produção de saborosos pães e que sua história de empreendedorismo possa motivar muitos outros jovens de nossa querida cidade.

Instagram:@pãotelis

 

 


 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 12/05/2021 16:24

Governo Federal aplica redução orçamentária de 37% nas Universidades Federais, levando muitas a paralisar as atividades

Google- Ilustração
Governo Federal aplica redução orçamentária de 37% nas Universidades Federais, levando muitas a paralisar as atividades
O que será de um povo sem educação ?

O orçamento destinado às universidades federais teve redução de 37% das despesas discricionárias neste ano. Esta queda afeta os recursos destinados a investimentos e despesas concorrentes, como pagamento de água, luz, segurança, além de bolsas de estudo e programas de auxílio estudantil. A análise não inclui os recursos para salários e aposentadorias, que são despesas de pagamento obrigatório.

Em resposta, o MEC informa que reduziu recursos discricionários da rede federal de ensino superior “ de forma linear,na ordem de 16,5%” e que “não tem medido esforços nas tentativas de recomposição e mitigação das reduções orçamentárias”. Com a redução desses recursos, as faculdades podem paralisar as atividades, segundo a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes). Ainda segundo a Andifes, no ano de 2020 houve uma queda também na relação, quando foi de R$5,5 bilhões.

A reitora da UFRJ, Denise Carvalho, e o vice-reitor Carlos Rocha, alertam para o risco de a instituição”fechar as portas” a partir de julho. “A UFRJ fechará suas portas por incapacidade de pagamento de contas de segurança, limpeza, eletricidade e água. O governo optou pelos cortes e não pela preservação dessas instituições(...) A universidade está sendo inviabilizada”, alertam os reitores da UFRJ. Destacam ainda,que a UFRJ está no enfrentamento à pandemia fazendo testes moleculares de detecção de coronavírus, atendendo pacientes de Covid-19 no hospital universitário e fazendo estudos de identificação de novas variantes e desenvolvimentos de testes sorológicos. O que será de um povo sem educação ?

 

Comentários comentar agora ❯

Postado em 10/05/2021 10:50

Mortes diárias por Covid-19 cai em 28% no Brasil, afirma Fundação Oswaldo Cruz

Google
Mortes diárias por Covid-19 cai em 28% no Brasil, afirma Fundação Oswaldo Cruz
Fiocruz divulga queda de 28,3 % em mortes por covid-19 no Brasil.

Dados apresentados pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), mostram que houve uma queda no número de mortes diárias pelo coronavírus no Brasil, sendo de 28,3% em um mês, de acordo com a média de sete dias. A média diária estava em 2.100 óbitos, abaixo dos 2.930 do dia 9 de abril. Nestes 14 dias, a média móvel de mortes caiu 15,8%, já que, em 25 de abril, o número de óbitos diários estava em 2.495.

O maior número de mortes foi registrado no dia 12 de abril, sendo 3.124, desde então, os registros têm apresentado uma queda, com algumas altas pontuais sendo apresentadas. Essa métrica de sete dias é calculada somando-se os registros do dia com os seis dias anteriores e dividindo o resultado da soma por sete. O número é diferente daquele divulgado pelo Ministério da Saúde, que mostra apenas as ocorrências de um dia específico.

Mesmo com a divulgação desta pequena vitória, especialistas em infectologia e a classe médica pedem que toda a população continue tomando os cuidados necessários, que determinam os protocolos de combate ao covid-19. É necessário manter-se protegido até que grande parte da população já esteja vacinada com no mínimo a segunda dose aplicada, desta forma alguns protocolos poderão ser deixados de lado, afirma a Fiocruz.
  

Comentários comentar agora ❯

  • Rosely Uma noticia boa se todos nós seguirmos o q tem q ser feito, em breve tudo isso vai passar e os casos de morte também.
Postado em 07/05/2021 11:55

Desemprego atinge 31,4% dos jovens no Brasil, afirma pesquisa realizada pelo IBGE

Google
Desemprego atinge 31,4% dos jovens no Brasil, afirma pesquisa realizada pelo IBGE
Desemprego atinge 31,4% dos jovens no Brasil.

A falta de experiência faz com que jovens sejam os que mais sofrem com o reduzido número de vagas de emprego no Brasil. O desemprego entre jovens de 18 a 24 anos apresentou 31,4% no primeiro trimestre de 2021, uma taxa histórica com a atual de 29,8% no primeiro trimestre do ano de 2020. A maior desocupação por faixa etária ainda mais jovem é de 14 a 17 anos, quando nessa faixa trabalha sob condições específicas, podendo atuar apenas como menor aprendiz.

Os maiores percentuais de desemprego em 10 das 27 unidades da Federação, estão registrados nos estados: Bahia 20,7%, Sergipe 20,3% e Alagoas 20%. As menores foram observadas em Santa Catarina (6,6%), Mato Grosso (9,9%) e Paraná (10,2%). Foi observado nesta pesquisa uma média de desemprego crescente entre mulheres de 16,8 %, já entre homens essa taxa é de 12,8%. Segundo IBGE, essa queda da ocupação foi disseminada por todos os trabalhadores, a taxa média de informalidade também recuou, passando de 41,1% em 2019 para 38,7% em 2020, este segmento foi afetado como todos os outros pela pandemia do Covid-19.

A especialista em Psicologia do Trabalho, Adriana Cristina Ferreira Caldana, professora da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEA-RP) da USP, conta que, diferentemente de 20 a 50 anos atrás, essa geração está diante de um cenário de redução, não só da mão de obra física pelas máquinas, como também de mão de obra qualificada, podendo ser facilmente substituída pela inteligência artificial. Essas dificuldades para entrar no mercado de trabalho, além dos índices de desemprego aliados à crise econômica que se instalou no Brasil, somados à pandemia faz com que jovens sintam-se desanimados diante do atual cenário.
 

Comentários comentar agora ❯